terça-feira, 2 de março de 2010

FINAL YAMATO



Quatermass



O ano de 1983 representou o fim e o início da saga do encouraçado espacial Yamato
(Uchuu Senkan Yamato /Star Blazers / Patrulha Estelar).


Explico: em março de 1983 estreou o quinto e último longa animado no Japão. E, por acaso, alguém aqui do Brasil sabia disso? Duvido, porque no segundo semestre do mesmo ano foi inaugurada a Rede Manchete e com ela seu bloco de programação e, dentro deste,
Patrulha Estelar.


Antes de continuar, devo fazer um parêntese. A Manchete foi, de fato, uma rede de televisão curiosa: alardeava estréias e reestréias de seriados em sua programação e, no entanto, tinha o triste hábito de adquirir parte das temporadas.

Foi assim quando reapresentou a série clássica de Jornada nas Estrelas em 1991 sem, no entanto, informar à público que somente 50 dos 79 episódios foram adquiridos e redublados (o destino da dublagem original virou lenda urbana); bem como 51 dos 77 episódios de Yamato (toda a segunda e terceira temporadas). Se por um lado, gerou alegria para os fãs, por outro, não deixou de ressaltar o tradicional desrespeito das emissoras para com o telespectador, tal como a Globo, que adora mutilar seus filmes, seja nos créditos iniciais, finais ou durante a exibição.





Ao contrário, lá fora, as três temporadas de Yamato foram ao ar em 1974-1975 (Viagem à Iskandar), 1978-1979 (Cometa Império) e 1980-1981 (Crise Solar); bem como os longas Space Battleship Yamato (1977), Farewell to Space Battleship Yamato (1978), Space Battleship Yamato: The New Voyage (1979), Be Forever Yamato (1980) e Final Yamato.

E o que quero dizer com isto? Apenas demonstrar nosso tradicional atraso e desconhecimento que, mesmo com a Internet, muitas obras continuam desconhecidas simplesmente pelo fato de nunca terem sido divulgadas na época.





Cito um exemplo: Capitão Harlock. Você, caro internauta, sabe quando assisti Capitão Harlock na TV? Não precisa chutar, porque nunca foi transmitido!


Foi através da persistência do Thintosecco, em suas andanças no ciberespaço à procura do Yamato (por insistência minha e, diga-se de passagem, sou um tremendo ‘mala’ quando ‘bato pé’ por alguma coisa). Quando me disse que a obra de Leiji Matsumoto era muito maior que pensávamos duvidei! Aí ele ‘matou a cobra e mostrou o pau’: apresentou-me um episódio de Harlock e
Expresso 999! Diante do choque, ficamos só pensando o quanto perdemos e ainda viremos a perder!



Final Yamato nada mais é senão um compêndio muito bem feito de tudo que já foi assistido na série. Quase todas as cenas antológicas e músicas incidentais foram novamente reunidas, inclusive com o reaparecimento do capitão Juzo Okita (Avatar). Por falar em trilha sonora, percebe-se claramente a influência de Enio Morricone na composição de Hiroshi Miyagawa.


A sinopse: ao enfrentar uma nova ameaça, um planeta chamado Aquarius, que possivelmente tenha sido o responsável pelo surgimento da vida na Terra há bilhões de anos, Yamato parte em sua derradeira missão. Aquarius fora propositalmente posto em rota de colisão com a Terra pelo todo poderoso Lord Lugarl.



Após duas horas e meia de ação constante, assistimos ao clímax: a destruição do Yamato, numa última e desesperada tentativa de deter a passagem de Aquarius.


O filme seria triste só pelo final que acabei de revelar, mas Yamato é Yamato: reconstruído após três séculos, apanhou tanto durante nove anos, que é até possível que reconstruam de novo num sexto longa. Este é um dos talentos de Matsumoto: a de recontar a história de Frankenstein várias vezes!

Em tempo: para ver todas as postagens do blog relacionadas à Patrulha Estelar / Yamato, CLIQUE AQUI.






4 comentários:

jonatãf.leite disse...

Ola!! gostaria de agradecer a vc por sua postagem e blog!!
igualmente ao q sentes, eu tbm garimpo há muitos e muitos anos por patrulha estelar!! que sede!! q sede tenho de rever!!
e igualmente de novo fui descobrindo as 'amputações' que fizeram na gente, que me fazia sentir que ''perdia o fio da meada'' na época que assisti na tv o que pode passar.
estou tentando achar todos, mas a maioria acho com pessoas que vendem e caro em dvds! por isso, toda ajuda é bem vinda!!
vou ler o restante do seu blog! obrigado!

Zazan disse...

Fazendo uma busca pelo filme "Yamato Renascimento", esbarrei na sua página com informações mais completas sobre a série, está de parabéns pelo trabalho...
Depois de muito garimpar, consegui os episódios da série original, mas me falta os filmes, principalmente o "Final" e o "Renascimento"... Por um acaso, saberia informar onde poderia conseguir baixar ou comprar os DVDs?
Ficaria muito agradecido, pois a anos venho tentando conseguir essas cópias.
Abraços
Renan

MIRAK POLUX disse...

Acompanho este anime desde de 1982 e até hoje não consegui ver todos, pois encontro legendado em inglês, mas amo Yamato dou risadas e as vezes choro com algumas senas, a trilha sonora é lindíssima e a garra do personagem Kodai é contagiante. Espero que até o fim de minha vida consiga ver todos principalmente este Final Yamato.

MIRAK POLUX disse...

Alguém sabe site pra poder assistir Final Yamato legendado em português. Se sim mandar resposta pro email. sirlenedolnisck@gmail.com Obrigada

Related Posts with Thumbnails