domingo, 19 de julho de 2015

CURIOSIDADE






sexta-feira, 10 de abril de 2015

A BUSCA PELA INTELIGÊNCIA



por Thintosecco



Ontem ouvi notícia de que o Brasil cumpriu apenas duas de seis metas de educação fixadas pela Unesco no ano 2000 e sequer figura no último ranking daquela entidade. Mais um retrato da situação calamitosa da nossa educação.  


Por outro lado, vejo notícias sobre a evolução das pesquisas de grandes empresas - IBM, Microsoft, entre outras - na pesquisa da Inteligência Artificial. Tanto que alguns cientistas têm manifestado receio sobre tais avanços, porque as máquinas poderiam estar se tornando "inteligentes demais".


Daí me pergunto: enquanto evolui a inteligência das máquinas, o que ocorre com nossa própria ? Será que também evolui ? Às vezes me parece que regredimos. Estamos nos tornando cada vez mais dependentes da tecnologia: escrevemos cada vez menos (não me refiro a mensagens de texto); conta na ponta do lápis não existe mais; guardar na memória, só mesmo na memória do celular... Para onde vai a inteligência "natural" ?


Navegando no You Tube, encontrei um vídeo interessante que compartilho com os amigos. Nele, o prof. Pierluigi Piazzi explica que nosso cérebro vale mais do que milhares de computadores eletrônicos, porém em geral o utilizamos muito mal. Fala da diferença entre ser aluno e ser estudante; como e porque retemos o aprendizado ou não; a importância da leitura; do sono, além de outros pontos importantíssimos. 
  

Muito bom, divertido e instrutivo. RECOMENDO ! 


Em tempo: termino pensando que inteligência artificial é aquela que fazemos de conta que temos, depois de anos na escola, fazendo de conta que estudávamos !


PS: O professor Pier conta que é fã de ficção científica e adquiriu o gosto pela leitura após ler uma obra de Arthur C. Clarke !


   

quinta-feira, 5 de março de 2015

HOPKINS E RIEU: A VALSA CONTINUA




por Thintosecco



Este é um novo post velho, já que os fatos ocorreram há algum tempo e muitos blogs já escreveram sobre o assunto. Mas como a música boa é eterna e ainda mais considerando os personagens desta história, ainda é tempo de contá-la. 

Vou reproduzir texto que extraio do blog METAMORFOSE DIGITAL, que também recomendo aos leitores dO PLANETA É NOSSO!


50 anos atrás, o famoso e "oscarizado" ator Anthony Hopkins compôs uma peça musical intitulada "And the waltz goes on". O ator, que compôs várias obras musicais em anos recentes, declarou que a valsa foi feita depois que ele escutou um jovem violinista holandês chamado André Rieu, de quem ele se tornou um grande admirador. Hopkins disse que era um dos melhores músicos que já havia visto e que tanto sua esposa quanto ele sonhavam em conhecê-lo pessoalmente algum dia.

Foi assim que um dia animou-se a mandar a valsa que uma vez compôs para o agora já famoso regente. Rieu disse que habitualmente recebe muitos e-mails e cartas de pessoas que lhe mandam peças musicais. No entanto, sua surpresa foi maiúscula quando viu quem tinha mandado essa valsa e mais ainda quando Hopkins disse que nunca ninguém tinha interpretado sua peça.
 
O ator deslocou-se a Viena convidado pelo violinista, que havia preparado uma grata surpresa: uma orquestra ia interpretar sua valsa. Simplesmente glorioso!
 



sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

LUTO



Leonard Nimoy (26.03.1931 - 27.02.2015)



Não me sinto em condições de escrever várias coisas que me passam pela cabeça neste momento. Poderia dizer que é como se fosse alguém de família. Seria falso, porque ELE É DA FAMÍLIA. Do coração.

Repriso, abaixo, nossa postagem de 27.03.2011, alusiva ao seu aniversário de 80 anos. 

Sugiro que assistam ao vídeo, onde ele explica a origem da saudação vulcana e também recomendo a leitura dos comentários.


Acima, Nimoy fazendo a saudação "Vida Longa e Próspera", que ele criou para seu eterno personagem, o sr. Spock.

Abaixo, um poema postado no twitter ainda neste mês. 
 


"Você e eu / aprendemos / A música do amor
E nós cantamos bem
A música não tem idade / e foi passada
Coração a coração / Por quem / Viu / O que vimos / E soube / O que sabemos
E amantes que já / Cantaram antes
Nosso amor é nosso / Para guardar / E dividir
O milagre é esse / Quanto mais dividimos / Mais temos". 

(Leonard Nimoy)



Vá com Deus, irmão !


 

Related Posts with Thumbnails